Brasileiro naturalizado americano, Benny Feilhaber faz gol de bicicleta em rodada da MLS

O Brasileiro, naturalizado americano Benny Feilhaber, que atua pelo Sporting Kansas City, marcou um golaço de bicicleta na rodada do fim de semana.




Veja o gol no vídeo abaixo:

Filho de austro-brasileiros e nascido no Rio de Janeiro, Benny Feilhaber mudou-se para os Estados Unidos com seis anos de idade. Levou junto para os EUA o fanatismo pelo Botafogo, embora nunca tenha atuado por nenhum time no Brasil.

Benny jogou pelo Scarsdale Lightning, equipe amadora dos subúrbios de Scarsdale em Nova Iorque, onde com doze anosa venceu, inclusive, a New York State Cup. Jogou também pelos times das escolas Northwood High School e da Universidade da Califórnia em Los Angeles, onde foi chamado para jogar o Campeonato Mundial de Futebol Sub-20 de 2005, nos Países Baixos.

Sua boa atuação nesse torneio, chamou a atenção de dirigentes de equipes europeias. Após participar dos Jogos da Macabíada, foi contratado pelo Hamburgo, da Alemanha, em julho de 2005, atuando primeiramente pela equipe B do clube. Na temporada seguinte, fez sua estreia na Bundesliga. Em agosto de 2007, foi transferido para o Derby County. Após uma mudança de treinador e uma série de lesões, Feilhaber foi deixado de lado no elenco. Com o rebaixamento da equipe, acabou sendo negociado gratuitamente com o AGF Aarhus, da Dinamarca em meados de 2008.

LEIA TAMBÉM: Kaká é convocado para defender a seleção da MLS em duelo com o Real Madrid

LEIA TAMBÉM: Curt Onalfo, treinador do Los Angeles Galaxy é brasileiro




Pela MLS, Feilhaber jogou no New England Revolution entre 2011 e 2012. Em 2013 foi negociado com o Sporting Kansas City, onde joga até hoje.

Em 2015 Feilhaber chegou no auge de sua carreira, quando se tornou o principal  jogador do ataque do Kansas City, sendo mais decisivo do que nunca, acumulando nas 31 partida disputadas, 12 gols e 19 assistências. Em novembro de 2015, ele foi eleito um dos três finalistas para do Prêmio MLP 2015 MLS Landon Donovan.

 

Benny Feilhaber disputou a Copa América de 2007, na Venezuela, e os Jogos Olímpicos de Verão de 2008, com o time sub-23 dos Estados Unidos, em Pequim. Em 2009, esteve na Copa das Confederações, na África do Sul, onde jogou, pela segunda vez, contra o Brasil, inclusive chutando uma bola na trave. Na Copa do Mundo FIFA de 2010, entrou na lista dos 23 jogadores convocados por Bob Bradley, e com sua seleção, classificou-se em primeiro lugar do Grupo C. Nas oitavas-de-final, a seleção seleção foi eliminada por Gana na prorrogação.



VIDA EUA: Como morar barato nos Estados Unidos

VIDA EUA: Os 10 maiores obstáculos para brasileiros que mudam para os Estados Unidos