Juninho marca seu primeiro gol na temporada pelo Chicago Fire

Depois que chegaram o meio-campo alemão Bastian Schweinsteiger, o atacante Nemanja Nikolic e o veterano Dax McCarty, durante a pré-temporada, o brasileiro Juninho logo descobriu que sua primeira temporada em Chicago Fire lhe traria um novo papel, brigar por espaço no time…



Juninho é cercado pelos jogadores do FIre após marcar um dos gols na vitória por 4×1 sobre o Revolution

Mesmo chegando com uma bagagem poderosa por ter sido escolhido por três vezes para fazer parte do All-Star da MLS, enquanto ainda jogava pelo Tijuana na Liga MX do México, Juninho percebeu que ser titular nesse novo time carregado de estrelas levaria algum tempo.

Juninho está brigando por espaço e já conquistou a tutularidade pela quinta vez, na última partida do sábado à noite.

Nesta partida, o Juninho marcou seu primeiro gol na temporada e ajudou o Chicago na vitória por 4-1 sobre o New England Revolution no Toyota Park.

O primeiro objetivo de Juninho certamente já foi alcançado, mostrar serviço. Depois de um corta-luz de Schweinsteiger, após o passe de Doody, Juninho acertou um belo chute, aos 39 dos primeiro tempo, e tirou o empate do placar no jogo que estava 1 x 1.

Juninho começou sua carreira nas categorias de base do São Paulo. Jogou apenas uma partida pela equipe profissional do São Paulo em 2007. Em 2010, Juninho foi emprestado ao LA Galaxy, junto com 2 outros jogadores Alex Cazumba e Leonardo.

LEIA TAMBÉM: Jogadora de futebol se negou a jogar na seleção dos EUA por camisa do “orgulho gay”



Juninho atuou ao lado de David Beckham quando jogou pelo LA Galaxy

Fez sua estréia pelo LA Galaxy em março de 2010, na partida do Galaxy contra o New England Revolution. Marcou seu primeiro gol pelo Galaxy na vitória por 2-0 sobre o AC St. Louis.

Atuando com a camisa 19, Juninho acabou eleito um dos destaques da MLS, atuando em 28 das 32 partidas disputadas pelo Galaxy na temporada, sempre como titular. Nos quatro jogos em que não atuou, estava suspenso ou machucado. Em 20 de dezembro de 2011, renovou por mais três anos com o São Paulo, mas em fevereiro de 2012, o Galaxy anunciou a sua volta. Em janeiro de 2013, o São Paulo confirmou a venda definitiva de Juninho para o LA Galaxy.

Em 2016 teve grande destaque jogando pelo Tijuana do Mexico, o que chamou a atenção da direção do Chigago Fire, que trouxe o brasileiro por empréstimo para disptar novamente a MLS nessa temporada.



VIDA EUA: Você sabe o que é uma Soccer Mom?

VIDA EUA: As maiores diferenças do futebol infantil nos Estados Unidos e no Brasil